Remédio para dor de cabeça – Inimigo íntimo?

remedio para dor de cabeça forte

Já parou para pensar que a cada dez pessoas que existem no MUNDO, sete sofrem de algum tipo de dor de cabeça? Esse é o número alarmante divulgado pela Organização Mundial da Saúde.

Dentre essas pessoas, a grande maioria recorre aos analgésicos em busca de alívio para o problema. Mas será que remédios para dor de cabeça realmente funcionam?



Bom, dito de maneira simples, um remédio para dor de cabeça pode sim aliviar os sintomas de uma dor leve a moderada. Porém já parou para pensar o que esses remédios podem fazer em longo prazo para o seu organismo?

Remédios Para Dor De Cabeça: Efeitos em longo prazo

Se a pessoa precisa tomar um analgésico a cada dois dias, não adianta correr – sua dor de cabeça é crônica. Nesses casos, o uso indiscriminado de remédios pode piorar e muito sua dor.

Infelizmente, o abuso de analgésicos pode em longo prazo “bagunçar” um mecanismo importantíssimo no cérebro que é responsável pela sensibilidade à dor.

Ou seja, a pessoa começa a sentir dores com estímulos ínfimos. O que deveria ser uma válvula de escape para a dor, acaba se tornando o causador dela.

Dito de maneira simples, a pessoa pode desenvolver abstinência ao fármaco e tolerância à dor em níveis extremos. A dor se torna crônica.

Da próxima vez que sentir-se tentado a tomar um analgésico para se livrar da dor incômoda, dê uma passada de olhos na bula do medicamento.

Os efeitos colaterais dão até um frio na espinha. Dentre os medicamentos mais conhecidos, como Paracetamol, Dipirona e Buscopan, encontram-se possíveis efeitos adversos:

  • Urticárias (alergias na pele)
  • Taquicardia
  • Retenção urinária (dificuldade para urinar)
  • Dispneia (falta de ar)
  • Choque anafilático (choque alérgico)
  • Distúrbios do sistema imunológico
  • Distúrbios vasculares
  • Distúrbios renais
  • Discrasias sanguíneas (anemia, por exemplo)
  • Hepatite
  • Hipoglicemia
  • Icterícia
  • Febre

Analgésicos sem prescrição

Analgésicos sem prescrição lideram as vendas de medicamentos mais vendidos. Não é para menos. A maioria das pessoas recorre aos fármacos como uma solução rápida no alívio dos sintomas de uma dor de cabeça forte. Mas observar a lista acima faz-nos pensar duas vezes, não é mesmo?

As perguntas que mais povoam a mente de pessoas que sofrem desse mal são:

  • Buscopan serve para dor de cabeça?
  • Paracetamol serve para dor de cabeça?
  • Dipirona serve para dor de cabeça?

Sendo que a pergunta certa a fazer seria: qual é o efeito em longo prazo de tomar esses medicamentos? Paracetamol X dor de cabeça, Dipirona X dor de cabeça, Buscopan X dor de cabeça – essa luta pode ser eterna. E quem ganha a batalha nesse caso, sempre é a dor de cabeça.

É muito mais fácil buscar alívio rápido para uma dor incômoda do que encontrar a raiz do problema. Remédio para dor de cabeça forte pode não ser uma alternativa válida para você. A melhor coisa a fazer em caso de dor de cabeça seja leve ou moderada, é tentar encontrar o “porque”.

O que causou a dor? Posso evita-la da próxima vez? Nunca esqueça: consulte um neurologista para realizar exames rotineiros e tentar buscar a origem da dor. Remédio e dor de cabeça podem namorar por um tempo, mas no futuro podem tornar-se inimigos letais. O tiro pode sair pela culatra!

A melhor alternativa para VOCÊ Acabar de Vez com esse sofrimento torturante Continuo é através da cura natural da dor de cabeça sem efeitos colaterais.

0 comentários